1. Aligator
  2. Blog
  3. Marketing
  4. Como fazer marketing para restaurantes delivery em época de pandemia

Como fazer marketing para restaurantes delivery em época de pandemia

Quinta, 18 de junho de 2020

Um dos conhecimentos mais importantes atualmente é como fazer marketing para restaurantes delivery em época de pandemia. Afinal, vivemos um momento totalmente fora do comum em termos de posicionamento no mercado.

Atualmente, a crise do novo coronavírus já causou quase 2 milhões de desempregados, além de ter obrigado diversos setores a fechar as portas. No ramo da alimentação, a única alternativa é trabalhar via drive-thru ou aplicativos de entrega.

Tanto é assim que só o Rappi já declarou ter dito um aumento de 30% nos seus pedidos durante a pandemia.

No entanto, se você precisa aumentar o ritmo de pedidos do seu restaurante, é importante saber como fazer marketing para restaurantes delivery em época de pandemia.

Quer aprender? Então siga as dicas abaixo!

A base do marketing para restaurantes delivery em época de pandemia é o consumidor

O principal elemento a ter em mente na hora de pensar na sua estratégia de marketing para restaurantes delivery em época de pandemia é a empatia com o consumidor.

Afinal, são as dores e necessidades do cliente que farão com que ele faça um pedido de comida pelo aplicativo. Para poder atrair mais clientes, é importante que você se comunique de maneira empática com os problemas do consumidor.

Por exemplo, as pessoas estão em casa, em isolamento social, sem uma perspectiva real de quando as coisas vão melhorar. Além disso, o isolamento é muito difícil de lidar, especialmente porque as coisas são sempre iguais.

Por isso, pedir comida pelo aplicativo não é só uma coisa prática, é também uma ferramenta que ajuda com a saúde mental das pessoas. Portanto, molde a sua comunicação a ter empatia com essa situação dos consumidores e apresente seus pratos adequadamente.

Aprenda como os algoritmos dos aplicativos funcionam

Se você tiver um app de delivery no seu celular nesse momento, abra-o e digite por “pizzaria” ou “sushi”. Você terá uma lista dos restaurantes mais próximos de você que atendam a esses requisitos.

No entanto, como essa lista é ordenada? Por preço médio? Dados alfabéticos? Na verdade, quando pensamos nas necessidades dos aplicativos, fica claro como o algoritmo deles funciona.

O app quer ser útil para o consumidor. Quanto melhor for a experiência de compra, mais vezes o cliente usará o aplicativo. Por isso, o algoritmo é moldado para tentar entregar a melhor experiência possível.

Dessa forma, todos os algoritmos usam elementos como a faixa de preço dos pratos, se o restaurante está ou não com promoções, o número de avaliações positivas e o tempo médio para fazer os pedidos.

Ou seja: a ideia é encontrar o equilíbrio ideal entre uma boa comida (avaliações positivas), que seja rápida (tempo médio de preparo), com bom valor (preço) e que participe de promoções.

Sabendo desses elementos, você pode moldar adequadamente a sua estratégia dentro dos aplicativos para poder arranjar mais clientes.

Elabore ações para melhorar as suas métricas nos apps

Nós já sabemos que é importante ter boas avaliações, muitos pedidos, tempo médio de preparo baixo e bom preço para conseguir arranjar mais clientes nos aplicativos de delivery.

Por isso, uma estratégia interessante é elaborar ações que melhorem as suas métricas. Por exemplo, envie mensagens para que seus clientes avaliem os pedidos. Isso aumentará suas notas.

Outra ideia é pré-cozer alguns dos pratos para ter um tempo de preparo médio inferior. Isso ajudará o seu restaurante a se destacar mais.

Traga clientes de outras redes para arranjar pedidos

O Instagram e o Facebook são as duas redes sociais mais populares do Brasil, com milhões de usuários ativos diariamente. Por isso, são ferramentas ótimas para o marketing para restaurantes delivery em época de pandemia.

Uma boa estratégia é tirar fotos ou fazer vídeos dos seus pratos, de maneira a privilegiá-los. Use os melhores ângulos e o melhor preparo visual para deixá-los bem apetitosos.

Então grave pequenos vídeos ou tire fotos para criar anúncios localizados nessas redes. Eles podem ser via Stories (no Instagram) ou anúncios normais no Facebook mesmo.

O ideal é que eles estejam geolocalizados (sejam exibidos apenas para quem é geograficamente próximo de você) e sejam exibidos na hora do almoço ou do jantar, para aumentar as chances de ter novos pedidos.

Pense em vender kits para preparo caseiro dos pratos

Uma estratégia muito interessante que pode ajudar os restaurantes nesse momento é, em vez de vender os pratos prontos, vender kits com os ingredientes.

Isso é especialmente útil para alimentos mais fáceis de preparar, como um hambúrguer ou uma pizza. É possível vender o hambúrguer sem fritar, com o pão, o queijo e outros ingredientes, além das instruções para a pessoa fazer o seu em casa.

A pizza é a mesma coisa: a massa pode ir pré-cozida, com todos os ingredientes em separado, só para a pessoa assar em casa.

Além de mais barato, é uma estratégia que permite que as pessoas criem um dia especial em casa, o que pode gerar mais clientes.

E aí, aprendeu como fazer marketing para restaurantes delivery em época de pandemia? Então deixe a sua opinião sobre as nossas dicas em um comentário abaixo!

voltar

Comentários